O primeiro projeto de Gustave

23 de janeiro de 2012

 

 

A ponte ferroviária de Bordeaux foi de fato a primeira grande obra de Eiffel. Construída em 1858, com 500 metros de comprimento, a ponte servia a companhia francesa de trens (SNCF).

Foi um projeto bastante audacioso para o jovem Gustave Eiffel de apenas 26 anos na época. Uma ponte desta envergadura mostrava já a habilidade em projetar construções baseadas na utilização de estruturas metálicas.

 

 

Hoje desativada, a ponte ferroviária, denominada “Passerelle St Jean”, foi seriamente ameaçada de demolição. A Associação dos Descendentes de Gustave Eiffel conseguiram inscrever a ponte como Monumento Histórico e assim conseguiram em 2010 evitar o fim da passarela.

 

Anúncios

O paraíso de Gustave

22 de janeiro de 2012

 

Bordel jamais! É um cabaret:

 

* Paradis Latin: cabaret parisiense inaugurado em 1802, ao longo do século XIX recebia personalidades ilustres como Honoré de Balzac, Alexandre Dumas (pai e filho), Prospère Mérimée entre outros artistas e intelectuais. Em 1887, Gustave Eiffel foi responsável pela reconstrução do cabaret, ao mesmo tempo em que cuidava da construção da torre Eiffel.


O nariz de Cyrano de Bergerac

19 de janeiro de 2012

 

É claro que nem todo francês é narigudo e nem todo narigudo é francês. Exitem também os italianos, gregos, enfim, uma enormidade de narigões. No entanto nenhum nariz é mais celebremente grande que o de Cyrano, mais que o de Cleópatra (que tinha seu charme mítico)

A imagem acima retrata o real Cyrano, Hercule Savinien Cyrano, escritor francês do século XVII, cuja vida foi romanceada e transformada em peça de teatro pelo dramaturgo francês Edmond Rostand, no fim do XIX.

 

Cyrano ganhou fama mundial com uma série de filmes adaptados da peça de Rostand ao longo do século XX, mas certamente Gérard Depardieu é o mais memorável Bergerac do cinema.

 

 


Paris plages

17 de janeiro de 2012

 

cem anos depois…

* Paris plages: desde 2001, de 21 de julho a 21 de agosto é montada uma faixa de areia na margem direita do rio Sena para que os parisienses possam desfrutar de uma praia artificial em pleno verão.


Gustave à la Degas

16 de agosto de 2011


O charme de Montmartre … na chuva

12 de julho de 2011


Gustave na banheira (exclusivo para o blog)

23 de junho de 2011


%d blogueiros gostam disto: